Grupo ABB enxerga oportunidades de negócios no Brasil

2017-03-17 - Fonte: Valor Econômico

Por Camila Maia | De Houston (EUA)

Greg Scheu, Presidente da ABB para as Américas
O grupo industrial suíço-sueco ABB continua focado nas oportunidades de crescimento no Brasil, diante das muitas oportunidades de investimentos em infraestrutura que o país deve oferecer ao longo deste ano, disse, em entrevista exclusiva ao Valor, o presidente da ABB para as Américas, Greg Scheu.

"Estamos esperançosos, as previsões de melhora da situação do PIB parecem ser reais, acho que isso vai ser bom para a população brasileira e para os negócios no Brasil. Felizmente, vemos bons sinais vindos de lá", disse Scheu, que contou ter se encontrado com Rafael Paniagua, presidente da ABB no Brasil, na semana passada.

Entre os setores da economia brasileira, Scheu destacou a área de energia, em que a ABB tem grande participação em equipamentos de transmissão, além de mineração, petróleo, alimentos e bebidas e papel e celulose. "Não vamos tipicamente dar um lance em um leilão de transmissão, mas fechamos parceiras com aqueles que participam, garantindo que tenham equipamentos de qualidade. Quando alguém vai e consegue a concessão de um aeroporto, vamos determinar quanto de equipamentos e tecnologia podemos oferecer e vamos avaliar. Esse é nosso modelo", disse o executivo.

O executivo participa nessa semana, junto de vários outros líderes da companhia, do evento ABB Customer World (ACW), em Houston, no Texas. Ele comanda a companhia em toda a América, e se reporta diretamente ao presidente global da ABB, Ulrich Spiesshofer.

Scheu contou que participou de reuniões na semana passada com o presidente da Petrobras, Pedro Parente, durante evento CERAWeek, que reuniu líderes de diversas empresas do mundo todo, também em Houston. "Acho que ele foi muito claro sobre seus planos. A Petrobras passa por um momento difícil, mas ele foi direto sobre os passos que está tomando para fortalecer a estatal. Foi um bom sinal", disse, referindo-se a Parente.

Os requerimentos duros de conteúdo local que o Brasil historicamente adotou, especialmente no setor de petróleo, não são um obstáculo para a ABB, desde que as regras sejam claras para todos, segundo o executivo. "Quando você administra um negócio, precisa entender as regras e que tudo esteja claro e definido. Quando soubermos as novas regras, vamos cumpri-las e definir se vamos produzir no Brasil ou exportar de outras plantas", disse.

O presidente da ABB nas Américas também comentou que, do lado do setor elétrico, a Eletrobras segue por um caminho semelhante que exige muitas mudanças. As duas estatais são clientes da ABB.

A ABB tem forte presença no Brasil, com cinco fábricas e mais de 3 mil funcionários, tanto é que, em toda a América Latina, apenas o país e o México tem presidentes próprios, que se reportam diretamente a Scheu. No restante da região, as decisões são concentradas na sede da ABB na Colômbia.

"Outra área em que somos muito ativos é mineração, mas também atuamos muito em outros segmentos como alimentos e bebidas, papel e celulose. Essas indústrias têm sido muito boas para nós, queremos continuar diversificando esses negócios", disse Scheu.

Segundo ele, escândalos que envolvam alguns de seus clientes, como o caso da própria Petrobras, "são situações difíceis", mas o foco da empresa no Brasil continua muito forte. "Olhamos oportunidades de crescimento, sempre mantendo a integridade de nossas políticas e nossos padrões", disse.

Busca



ENTRE EM CONTATO

  • Informações para a imprensa
  • Imagem corporativa
  • www.imagemcorporativa.com.br

    Paula Janer
    Telefone: +55 11 3526-4572
    paula.janer@imagemcorporativa.com.br

    Adélia Chagas
    Telefone: +55 11 3526-4538
    adelia.chagas@imagemcorporativa.com.br

    Bárbara Pereira
    Telefone: +55 11 3526-4562
    barbara.pereira@imagemcorporativa.com.br

    Isabella Ortega
    Telefone: +55 11 3526-4588
    isabella.ortega@imagemcorporativa