Joe Hogan, CEO da ABB, deixará a empresa por razões pessoais

Joe Hogan, CEO da ABB, deixará a empresa por razões pessoais. A data da sua partida não foi ainda decidida. O seu sucessor será anunciado em breve.
Zurique, Suíça, 10 de Maio de 2013. O Conselheiro Delegado da ABB, Joe Hogan, decidiu abandonar a ABB por razões pessoais. A data da sua partida não está ainda decidida. Joe Hogan continuará à frente da ABB até que se anuncie o seu sucessor, e comprometeu-se a facilitar o processo de transição.

Hubertus von Grünberg, presidente da ABB, comentou: “Joe foi um CEO de grande êxito e levou a cabo um trabalho notável na direcção da empresa ao longo da mais profunca crise económica de que temos memória. A ABB está actualmente numa situação muito melhor do que a que ele encontrou quando entrou para a empresa, há cinco anos. Sei que esta foi uma decisão difícil para Joe Hogan, e o Conselho de Administração lamenta sinceramente a sua saída".

Joe Hogan entrou para a ABB em Setembro de 2008. Durante o período em que desempenhou o cargo, a ABB investiu cerca de 20.000 milhões de dólares na consolidação da empresa. Fizeram-se grandes investimentos em aquisições de empresas e em I&D, para garantir a liderança tecnológica da ABB em electrotecnia e automação.

Von Grünberg acrescentou: "Sob a liderança de Joe a competitividade da ABB aumentou de forma importante, devido aos investimentos em medidas destinadas ao crescimento e à inovação, e ao cuidadoso controlo dos custos".

Joe Hogan declarou: “Informei o Conselho da minha decisão de sair da ABB. Foi uma decisão difícil, uma vez que deixo atrás de mim um Comité Executivo forte e com talento, e um Conselho de Administração coeso, com cujo apoio pude sempre contar. Espero levar a cabo uma transição suave, com a menor interferência possível num impulso que a empresa criou".

O Grupo ABB (www.abb.com), líder em tecnologias de energia e automação, possibilita às empresas de electricidade, água e gás, e à indústria, melhorar o seu desempenho, reduzindo o impacto ambiental. O Grupo ABB opera em cerca de 100 países e emprega aproximadamente 145.000 pessoas.


Siga-nos nas redes sociais:

Follow us on TwitterGet LinkedInConnect on FacebookSubscribe on YouTube

Busca