ABB recebe pedido de US$ 100 milhões para modernizar histórica conexão HVDC nos Estados Unidos

2017-01-11 - Zurique, Suíça, 20 de janeiro de 2017 – Modernização de estação de conversão, para melhorar a confiabilidade da conexão de energia da Pacific Intertie, de 46 anos de idade.

ABB recebeu pedido no valor de mais de US$ 100 milhões da concessionária de serviços americana Los Angeles Department of Water and Power (LADWP), para a modernização da estação de conversão (de corrente contínua de alta tensão) Sylmar HVDC na Califórnia. Essa estação é parte importante da conexão de eletricidade entre o Noroeste do Pacífico e o sul da Califórnia, encomendada em 1970. O pedido foi registrado no quarto trimestre de 2016.

A estação conversora Sylmar, localizada ao norte de Los Angeles, está ao sul da estação do Pacific DC Intertie, uma conexão HVDC de 1.360 km, que se conecta à estação de conversão de Celilo, perto do rio Columbia, Oregon. A Pacífic DC Intetie transmite eletricidade do noroeste do Pacífico para até 3 milhões de lares na maior área de Los Angeles. Normalmente, o fluxo de energia é do norte para o sul, mas durante o inverno o norte consome quantidades significativas de energia para aquecimento, enquanto o Sul exige menos, e o fluxo de energia é revertido. A Pacific Intertie permite que a energia seja trasmitida entre o noroeste e o sul da Califórnia, ajudando a equilibrar a oferta à demanda.

"A Pacific Intertie foi a primeira das principais conexões HVDC a ser instalada nos EUA e tem fornecido energia a milhões de pessoas nos Estados Unidos há quase cinco décadas", disse Claudio Facchin, presidente da divisão Power Grids da ABB. "Estamos felizes em retornar a esse projeto pioneiro. Depois do sucesso de Celilo, a modernização de Sylmar vai ajudar a proteger as fontes de alimentação, proporcionando maior eficiência e confiabilidade aliadas a um nível excepcional de controle. ABB é líder global em HVDC e este projeto reitera o nosso compromisso de serviço e suporte à vida útil, um elemento-chave da nossa estratégia Next Level."

A digitalização será uma das principais características na modernização, a partir da instalação da mais recente versão do sistema digital de proteção e controle MACH da ABB. Conforme anunciado no início deste ano, a Celilo (estação norte de conversão da conexão) foi a primeira instalação do mundo a se beneficiar de uma atualização deste mais recente sistema de controle. Outros componentes-chave da modernização da estação Sylmar são os filtros de CA e CC, reatores tipo shunt, bem como equipamentos de medição e auxiliares.

O sistema digital MACH monitora, controla e protege o sofisticado hardware da estação, gerenciando milhares de operações de modo a garantir a maior confiabilidade possível. Também ajuda a proteger a conexão de transmissão de intercorrências inesperadas, tais como relâmpagos. O MACH, projetado para rodar ininterruptamente durante décadas, age como o cérebro da conexão HVDC, incorporando funções avançadas como as de controle remoto e de registro de falhas. O sistema MACH da ABB é a solução de controle mais implantada no mundo para instalações HVDC e FACTS (Flexible Alternating Current Transmission Systems), com mais de 1.100 desses sistemas em operação em todo o mundo.

Desde o contrato para ajudar construir a Pacific Intertie, em 1965, a ABB manteve um relacionamento duradouro com a conexão, fornecendo múltiplas modernizações para o desempenho e sua vida útil ao longo dos 46 anos em que ela está em operação. Este é o sexto pedido para que a ABB trabalhe na Pacific Intertie.

ABB foi pioneira na tecnologia HVDC há mais de 60 anos e foi premiada com mais de 110 projetos HVDC, representando uma capacidade total instalada de mais de 120.000 megawatts, totalizando cerca de metade da base instalada mundial. A ABB permanece na vanguarda da inovação HVDC e está singularmente posicionada no setor de energia, com capacidade de fabricação in-house de todos os principais componentes dos sistemas HVDC.

Sobre a ABB - A ABB (ABBN: SIX Swiss Ex) é líder pioneira de tecnologia em produtos para eletrificação, robótica e motion, automação industrial e power grids, servindo clientes industriais, concessionárias, transporte e infraestrutura de forma global. Por mais de quatro décadas, a ABB tem escrito o futuro da digitalização industrial. Com mais de 70 milhões de aparelhos conectados por meio de sua base instalada de mais de 70.000 sistemas de controle através de todos os segmentos de clientes, a ABB está posicionada de forma ideal para se beneficiar da Quarta Revolução Industrial e de Energia. Com um patrimônio de 125 anos, a ABB opera em mais de 100 países com cerca de 135.000 funcionários. www.abb.com.br

Fique por dentro:

Siga-nos no TwitterParticipe do nosso grupo no LinkedInConecte-se ao FacebookInscreva-se no nosso canal no YouTube